Posted 22 July 2014, 1 month ago | 8,208 notes | reblog this post
(originally thepaintedbench / via heritance)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 3,776 notes | reblog this post
(originally trilhares / via nobroke)
"
É tão estranho como a mesma pessoa, pode te fazer feliz e te trazer tanta dor. É tão estranho como a mesma pessoa pode fazer você amar até doer
Fifth Harmony.  (via nobroke)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 1,982 notes | reblog this post
(originally importunarei / via nobroke)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 102 notes | reblog this post
(originally resonares / via seumar)
"
Amar dói tanto que você fica humilde e olha de verdade para o mundo, mas ao mesmo tempo fica gigante e sente a dor da humanidade inteira. Amar dói tanto que não dói mais, como toda dor que de tão insuportável, produz anestesia própria…
Tati Bernardi  (via motivando)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 9,654 notes | reblog this post
(originally revivenciador / via motivando)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 205,838 notes | reblog this post
(originally best-of-memes / via v-i-a-l-a-c-t-e-a)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 3,342 notes | reblog this post
(originally fuckoffhappy / via heritance)

heritance:

Beautifullll <3

Posted 22 July 2014, 1 month ago | 18,993 notes | reblog this post
(originally plasmatics-life / via heritance)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 91,163 notes | reblog this post
(originally tastefullyoffensive / via justonemoment)
"
Aos poucos eu percebi. Que se apaixonar é inevitável, e que as melhores provas de amor são as mais simples. Um dia percebemos que o comum não nos atrai, e que ser classificado como bonzinho não é bom. Um dia percebemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você. Um dia saberemos a importância da frase: “Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa”. Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, e que não damos valor a isso! Que homem de verdade não é aquele que tem mil mulheres, mas aquele que consegue fazer uma única mulher feliz! Enfim… um dia descobrimos que apesar de viver quase um século, esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer tudo o que tem de ser dito. O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras.
Mario Quintana.    (via sociedade-idiota)
Posted 22 July 2014, 1 month ago | 18,496 notes | reblog this post
(originally prestigiador / via sociedade-idiota)
SaraLy, 18, Brasil


I know to live without you, but I don't want
Theme late-to-write, detalhe baudelaired. Não copie ©
e sempre que o limitado humano não for o suficiente, o ilimitado divino entrará em ação!